15 de julho: Dia do Homem no Brasil

Dia do Homem: tecnologias melhoram saúde masculina

homens04Nesta terça-feira, dia 15 de julho, comemora-se o Dia do Homem no Brasil, criado com o objetivo de reforçar os cuidados com a saúde deles. Segundo dados do IBGE, homens brasileiros vivem em média sete anos a menos que as mulheres e têm mais doenças do coração, câncer, diabetes e colesterol, além de – historicamente – serem menos cuidadosos com a saúde. Há ainda as doenças e condições tipicamente masculinas – que – apesar de atingirem um número maior de brasileiros – também possuem tratamentos cada vez mais acessíveis e modernos no país. Especialistas indicam quais as doenças e condições que mais afligem os homens e o que a medicina tem feito para a melhorar a saúde masculina. ? ?

HPB

A hiperplasia benigna é a doença mais comum da próstata e atinge cerca de 80% dos homens com mais de 50 anos, aproximadamente 14 milhões de brasileiros. Trata-se de um crescimento anormal da próstata, que comprime a bexiga e obstrui parcial ou totalmente a uretra, prejudicando o fluxo da urina. É uma doença silenciosa, que causa vontade constante de urinar e pode provocar, em casos mais raros, infecção urinária e insuficiência renal. ? ?

A doença acaba com a qualidade de vida do homem, que não consegue viajar, trabalhar, dormir e ter uma vida normal”, explica o urologista Bernardo Pace Silva de Assis – coordenador do Departamento de Endourologia da Sociedade Brasileira de Urologia Regional de Minas Gerais. Atualmente, é possível tratar a doença de forma minimamente invasiva, utilizando laser para diminuir o tamanho da próstata. Denominado GreenLight Laser Therapy, o procedimento é mais rápido e apresenta menos sangramento e riscos ao paciente, reduzindo o tempo de recuperação e internação quando comparado à cirurgia tradicional.

Disfunção Erétil?

Os índices de disfunção erétil são altos no Brasil. Estudos indicam que cerca de 10 milhões de homens apresentam problemas de ereção e muitos vão se defrontar com a condição ainda este ano. Um dos tratamentos mais eficazes para a disfunção erétil grave, no entanto, é ainda bastante desconhecido entre os brasileiros.

A prótese peniana é a terceira opção de tratamento para disfunção erétil, de acordo com o urologista Carlos Ricardo Doi Bautzer, do Hospital Sírio-Libanês, e é indicada quando o homem não responde mais ao tratamento medicamentoso e às injeções intracavernosas.Ela é um implante que substitui o processo natural de ereção do homem”, afirma. As versões mais modernas da prótese peniana trazem antibióticos contidos no implante, para minimizar o risco de infecção.

Câncer de Próstata?

No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, atrás apenas do câncer de pele não-melanoma. Em valores absolutos, é o sexto tipo mais comum no mundo e o mais prevalente em homens, representando cerca de 10% do total de cânceres. Seu tratamento – a prostatectomia radical – é bastante conhecido no país, mas a solução dos efeitos colaterais da retirada da próstata – como a incontinência urinária – ainda precisa ser mais bem esclarecida à população.

Estima-se que 4% dos homens que retiraram a próstata vão apresentar incontinência urinária de forma crônica, quando o esfíncter perde sua capacidade de reter a urina. Desde o começo do ano, está disponível nos planos de saúde o esfíncter urinário artificial – uma prótese que substitui o mecanismo natural de continência. “O esfíncter urinário artificial é o padrão ouro para o tratamento da incontinência urinária masculina pós prostatectomia e sua inclusão no sistema de saúde está popularizando o tratamento, ajudando homens que sofrem com o problema”, afirma Alexandre Fornari – urologista da Santa Casa de Porto Alegre.

Agência NoAr

Mariana Sala
Cel: 11 9.7263.7960 | Tel: 11 3170 3094
Av. Pompeia, 1504 CEP: 05022-001 São Paulo SP

Tags:, , ,

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud

Dados do Autor

Diversos Autores

Diversos autores colaboraram nos textos existentes no EsteticDerm. Alguns dedicaram suas matérias de forma específica. Outros foram colhidos em sites que disponibilizam material e publicados após análise e aprovação da equipe de editores. As fontes na Internet são muitas mas sempre haverá busca, análise e aprovação do texto seja qual for sua origem. O enfoque principal é beleza e saúde do corpo humano embora tenhamos áreas de leitura geral. Muitas das publicações foram elaboradas por autoridades no assunto proposto. O conteúdo dos textos, artigos e matérias é de responsabilidade total de seus autores.

Email Site /blog

Dados desta matéria