A hora de tomar banho

Especialista ensina como desfrutar do banho sem prejudicar a pele.

A escolha correta do sabonete e da temperatura da água vão ser o diferencial na hora de curtir este momento tão prazeroso e esperado durante o dia.

A hora de tomar banho é o momento que muitas pessoas usam para relaxar e pensar na vida e, até mesmo, escutar uma bela música enquanto faz a higienização do corpo. Um banho quentinho sempre é gostoso após um longo dia de trabalho, seja na banheira ou no velho e bom chuveiro. Banho muito quente e demorado, contudo, pode ser prejudicial à beleza da pele. “O principal erro é tomar banho muito prolongado, com a água em temperatura excessivamente quente e utilizar o mesmo sabonete para lavar o rosto e o corpo. O banho quente resseca demais a pele, além de piorar quadros como caspa e outras dermatites”, diz Jardis Volpe, Médico Cosmiatra e Membro da Sociedade Brasileira de Medicina Estética.

Os produtos utilizados durante o banho devem também ser escolhidos com rigor. O sabonete, principalmente, deve conter hidratantes na composição porque ajuda a deixar a pele mais sedosa e resistente às agressões externas, como o sol e a poluição, e ter o PH neutro ou alcalino, pois é o que mais se aproxima do PH da pele, evitando assim, qualquer tipo de irritação.

Há no mercado muitas opções de sabonete em barra ou em liquido. O dermatologista afirma que o sabonete liquido é mais indicado para o uso na face, porque o sabonete em barra possui mais agentes químicos. “Além da periculosidade da química presente no sabonete em barra, o sabonete em líquido é mais fácil de espalhar pelo rosto. O sabonete, entretanto, seja em barra ou liquido, serve para promover a limpeza da pele, mas o uso exagerado pode provocar irritações e ressecamento, uma vez que se retira o manto lipídico protetor da pele. Não é aconselhável usar buchas e esponjas sobre a pele, pois também pode retirar a proteção natural da pele”, afirma Volpe.

Uma importante dica do médico para tonificar a pele é intercalar o banho, por alguns segundos, entre duchas de água quente e fria. Este processo acelera a circulação e ajuda a tonificar a pele, ou seja, é o chamado banho turco, que pode ser feito em casa sem problemas. “O choque térmico estimula a circulação sanguínea na pele, dando vigor e fortalecimento a ela. Mas, após o banho deve-se sair sempre do banheiro bem vestido, para não baixar demais a temperatura do corpo e com isso evitar gripes e resfriados”, completa o médico cosmiatra.

Veja abaixo, mais algumas dicas do Dr. Jardis:

Jardis Volpe Médico Cosmiatra

Formado pela Universidade de São Paulo (USP). Estágio em Dermatologia no Hospital das Clínicas de SP; Pós-graduação em Medicina Estética pela Sociedade Brasileira de Medicina Estética (SBME-São Paulo); Pós-graduação em Dermatologia Cosmética e Cosmiatria pela Sociedade Argentina de Cosmiatria; Curso Internacional de Envelhecimento Cutâneo; Membro da União Internacional de Medicina Estética (U.I.M.E.); Membro da Sociedade Francesa de Mesoterapia – Paris. www.clinicavolpe.com.br

HOLDING COMUNICAÇÕES
Fone: (11)  6161-7919
E-mail: claudiaholding@uol.com.br

Tags:, ,

1 comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud

Dados do Autor

Diversos Autores

Diversos autores colaboraram nos textos existentes no EsteticDerm. Alguns dedicaram suas matérias de forma específica. Outros foram colhidos em sites que disponibilizam material e publicados após análise e aprovação da equipe de editores. As fontes na Internet são muitas mas sempre haverá busca, análise e aprovação do texto seja qual for sua origem. O enfoque principal é beleza e saúde do corpo humano embora tenhamos áreas de leitura geral. Muitas das publicações foram elaboradas por autoridades no assunto proposto. O conteúdo dos textos, artigos e matérias é de responsabilidade total de seus autores.

Email Site /blog

Dados desta matéria