Dia Mundial da Menopausa: 18 de outubro

Mais de 10 milhões de mulheres brasileiras podem estar sofrendo os sintomas da menopausa

Menopausa é o nome dado à última menstruação da vida da mulher. Ela acontece, geralmente, em meio a uma série de alterações hormonais e físicas, trazendo incômodo, dúvidas e, principalmente, muitos riscos à saúde. Por este motivo, 18 de outubro é o Dia Mundial da Menopausa. Uma data criada para alertar as mulheres para os principais sintomas desta etapa de suas vidas, orientando-as a procurar um especialista assim que eles começarem a aparecer.

Quanto antes o médico puder avaliar esta mulher e, juntos, decidirem pela melhor forma de tratamento, antes ela terá de volta qualidade de vida e muito mais tranquilidade para atravessar esta fase”, afirma a dra. Maria Celeste Wender, presidente da Associação Brasileira de Climatério – SOBRAC.

A especialista afirma que nem todas as mulheres sofrem estes sintomas, mas pelo menos 70% delas terão algum desconforto neste período da transição menopausal.

Calorão, irritabilidade, insônia e até mesmo depressão estão relacionados à falha hormonal. Outros sintomas, menos específicos, também podem aparecer, como o aumento de dores em geral. Isso acontece por conta de uma provável alteração da sensibilidade à dor”, explica.

Com o passar dos anos, a porcentagem de mulheres afetadas cai, chegando a menos de 50% após cinco anos dos primeiros sintomas.

No entanto, o que mais preocupa os médicos, além do grande desconforto sofrido pelas mulheres, são o aumento do risco cardiovascular, principalmente para a doença coronariana; e a alta incidência da osteoporose, que atinge 30% das mulheres após a menopausa.

Procurar um especialista aos primeiros sintomas é extremamente importante nesta fase, que é de grande perda de massa óssea. Os tratamentos, inclusive, são muito mais eficazes se iniciados precocemente”, alerta dr. Luciano Pompei, vice-presidente da SOBRAC.

O acompanhamento médico também servirá para a prevenção das complicações cardíacas e das outras condições de saúde.

Menopausa e climatério

A população feminina representa hoje 51,5% dos brasileiros, segundo o IBGE, correspondendo a cerca de 96 milhões de mulheres. Pouco mais de 15% do total, ou quase 15 milhões de mulheres, têm idades entre 50 e 70 anos.

É neste período que provavelmente acontecerá a menopausa, que é a última menstruação. Já o climatério é todo o período de transição da mulher da fase com capacidade reprodutiva para a fase em que essa capacidade deixa de existir. Em geral, o climatério acontece dos 40 aos 65 anos, aproximadamente, mas pode variar a cada caso.

O período é marcado pela interrupção da produção hormonal dos ovários, ausência de ovulação e carência de estrogênio – principal hormônio sexual feminino.

Todas estas alterações trazem os chamados sintomas menopáusicos ou climatéricos, que incluem as ondas de calor ou fogachos, fadiga, irritabilidade e mau humor. Se não tratados adequadamente, estes sintomas podem afetar atividades profissionais e relacionamentos afetivos, piorando substancialmente a qualidade de vida.

Outro problema comum nesta fase é a perda de lubrificação vaginal – que depende de um bom nível de hormônios – comprometendo também a vida sexual.

Terapia de reposição hormonal e outros

A indicação da terapia de reposição hormonal (TRH) depende de diversos fatores e só pode ser feita por um médico, após a análise detalhada da paciente. Para isso, serão levados em conta exames clínicos e laboratoriais.

Além da TRH, diversos outros tratamentos, inclusive não hormonais, poderão ser indicados, assim como orientações sobre estilo de vida e alimentação, que ajudam e muito.

Algumas dicas importantes são:

SOBRAC

Criada em 1986, a Associação Brasileira de Climatério – SOBRAC é formada por médicos de diversas especialidades – tais como ginecologistas, endocrinologistas, cardiologistas, reumatologistas, ortopedistas, psiquiatras, neurologistas, dermatologistas, entre outros – ligados ao estudo do climatério e ao atendimento às mulheres climatéricas.

Filiada à International Menopause Society (IMS), a SOBRAC promove a apoia eventos e ações voltadas a atualização profissional de seus associados e disseminação entre a população de informações sobre as diversas questões ligadas ao climatério e à menopausa.

Hoje, são mais de 3 mil especialistas associados trabalhando por melhores condições de saúde e de qualidade de vida das mulheres nesta importante etapa de suas vidas.

Acontece Comunicação e Notícias

FRANCISCO DAMASO VASCONCELOS NETO PUBLIC
E-mail: damasoneto@superig.com.br
Fone: (11) 38736083

Tags:,

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud

Dados do Autor

Diversos Autores

Diversos autores colaboraram nos textos existentes no EsteticDerm. Alguns dedicaram suas matérias de forma específica. Outros foram colhidos em sites que disponibilizam material e publicados após análise e aprovação da equipe de editores. As fontes na Internet são muitas mas sempre haverá busca, análise e aprovação do texto seja qual for sua origem. O enfoque principal é beleza e saúde do corpo humano embora tenhamos áreas de leitura geral. Muitas das publicações foram elaboradas por autoridades no assunto proposto. O conteúdo dos textos, artigos e matérias é de responsabilidade total de seus autores.

Email Site /blog

Dados desta matéria