Os benefícios da cerveja sem álcool para maratonistas

Estudo divulgado pelo CISA aponta efeitos benéficos da cerveja sem álcool para maratonistas

A bebida contém polifenóis, que são substâncias responsáveis pela redução dos processos inflamatórios ocasionados pelos exercícios intensos e de longa duração.

Estudo divulgado pelo Centro de Informações sobre Saúde e Álcool (CISA) aponta que substâncias naturais contidas nas cervejas sem álcool poderiam reduzir os processos inflamatórios causados pelo exercício intenso de longa duração, como é o caso das maratonas.

Sabe-se que exercícios de alta intensidade aumentam significativamente a incidência de inflamação e disfunções imunológicas. Ainda, algumas substâncias naturais com potentes propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias, conhecidas como polifenóis, estão presentes em alimentos e também em quantidades significativas em componentes não alcoólicos da cerveja.

Dado o exposto acima, um estudo recentemente publicado na revista científica Medicine and Science in Sports and Exercise avaliou o papel da cerveja sem álcool na redução do processo inflamatório agudo e a incidência de doenças no trato respiratório superior, em corredores de maratona (provas com 42.195 Km de extensão).

O estudo em questão contou com a participação de 277 atletas inscritos na Maratona de Berlim do ano de 2009, com idades entre 20 e 60 anos, todos com condições ideais de saúde e já haviam concluído ao menos uma meia maratona. Eles foram separados em dois grupos com características semelhantes (idade, condições de saúde, entre outros fatores), sendo que todos ingeriram de 1 a 1,5 litros de cerveja sem álcool por dia, 3 semanas antes e uma semana depois da prova. O único diferencial foi que os participantes de um dos grupos (grupo A) ingeriram cerveja sem álcool normal e o outro grupo (grupo B) ingeriram praticamente a mesma bebida, porém sem a presença de polifenóis.

Antes e depois da prova foram coletadas amostras de sangue para avaliar as concentrações de interleucina 6 (IL6) e leucócitos (glóbulos brancos), que são indicadores de inflamação; os participantes também responderam a um questionário para avaliar o grau de desconforto no trato respiratório superior (composto por nariz, boca, faringe, laringe e traqueia). Do total, apenas 121 atletas completaram todo o processo e realizaram a prova até o final.

Os resultados mostram que os esportistas do grupo A (ou seja, aqueles que ingeriram cerveja sem álcool normal) apresentaram as menores concentrações de IL6(-24%) e de leucócitos (-20%) no sangue logo após a competição, e apenas 6% relataram desconfortos no trato respiratório superior, contra 16% do grupo B (ou seja, atletas que consumiram a mesma bebida, mas sem a presença de polifenóis). Após 12 dias de realização da prova, nenhum corredor do grupo A apresentou qualquer desconforto clinicamente relevante, ao contrário do grupo B.

Dado o exposto acima, os autores apontam que os polifenóis presentes na cerveja sem álcool atuam na proteção e recuperação de processos inflamatórios em indivíduos submetidos ao exercício intenso de longa duração. No entanto, é importante observar que não houve diferença no tempo de conclusão da prova entre os grupos, indicando que apesar de os polifenóis serem eficientes no combate aos processos inflamatórios, não melhoram o rendimento físico.

Em suma, o processo inflamatório é um elemento chave no mecanismo de doenças, como o diabetes mellitus, cardiopatias e obesidade. Portanto, a identificação de componentes anti-inflamatórios naturais é de grande importância no combate a estas enfermidades. Vale destacar também que o álcool possui propriedades inflamatórias que prejudicam a disponibilidade de nutrientes e que podem diminuir a secreção do hormônio do crescimento. Dessa forma, os resultados deste estudo provavelmente não seriam os mesmos com a ingestão de cerveja com álcool.

Título do estudo:

Nonalcoholic Beer Reduces Inflammation and Incidence of Respiratory Tract Illness. Autores: Scherr, J., D. C. Nieman, T. Schuster, J. Habermann, M. Rank, S. Braun, A. Pressler, B. Wolfarth, M. Halle. Fonte: Medicine and Science in Sports & Exercise, vol. 44, nº 1, 18-26, 2012.

Sobre o CISA

O Centro de Informações sobre Saúde e Álcool – CISA, organização não governamental criada em 2004 pelo psiquiatra e especialista em dependência química Dr. Arthur Guerra de Andrade, é, hoje, a maior fonte de informações no País sobre o binômio saúde e álcool. Por meio de seu website (www.cisa.org.br), a ONG disponibiliza um banco de dados baseado em publicações científicas reconhecidas no cenário nacional e internacional, em dados oficiais (governamentais) e na informação de qualidade publicada em jornais e revistas destinados ao público geral, estudantes, profissionais de saúde, pesquisadores e empresas sobre o álcool e suas relações com o corpo, a mente e a sociedade.
O CISA acredita na importância do rigor ético e na transparência de suas ações no que diz respeito à obtenção e divulgação de conhecimento atualizado e imparcial na área de saúde e álcool e prontifica-se a colaborar com políticas públicas que abordem o tema de forma eficaz. Também está comprometido com o avanço do conhecimento nessa área e encoraja a adoção de medidas para prevenir o uso nocivo de álcool e suas consequências, por meio de parcerias e elaboração de materiais educativos e de prevenção. Para mais informações, acesse o site www.cisa.org.br ou os perfis da empresa nas mídias sociais:
http://www.facebook.com/pages/CISA e no Twitter @CISA_oficial.

PLANIN PLANEJAMENTO DE INFORMAÇÕES

Analina Arouche
E-mail: analina@planin.com
Fone: (11) 21388900

Tags:, , ,

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud

Dados do Autor

Diversos Autores

Diversos autores colaboraram nos textos existentes no EsteticDerm. Alguns dedicaram suas matérias de forma específica. Outros foram colhidos em sites que disponibilizam material e publicados após análise e aprovação da equipe de editores. As fontes na Internet são muitas mas sempre haverá busca, análise e aprovação do texto seja qual for sua origem. O enfoque principal é beleza e saúde do corpo humano embora tenhamos áreas de leitura geral. Muitas das publicações foram elaboradas por autoridades no assunto proposto. O conteúdo dos textos, artigos e matérias é de responsabilidade total de seus autores.

Email Site /blog

Dados desta matéria