Quatro dicas essenciais para economizar na reforma de casa

Não é só a compra de materiais de construção que impacta no orçamento das empresas
e da maioria das famílias brasileiras que estão reformando ou construindo

reforma01Gerente de operações do Instituto da Construção – franquia pioneira de cursos profissionalizantes no setor da construção civil, Luciana Lombardi lista quatro passos infalíveis para que uma reforma ocorra de forma econômica, ágil e eficiente, sem render dores de cabeça ao proprietário

Não é só a compra de materiais de construção que impacta no orçamento das empresas e da maioria das famílias brasileiras que estão reformando ou construindo. Os gastos com uma obra vão desde o projeto e planejamento, até a organização e limpeza no pós-obra. “Geralmente o desperdício e outros gastos acontecem pelos maus hábitos da própria mão de obra“, explica a Gerente de Operações do Instituto da Construção, Luciana Lombardi. “Para se ter uma ideia do tamanho do problema, a cada três casas construídas, o volume de entulho produzido seria o suficiente para construir mais um imóvel.”.

Pensando nisso, Luciana listou quatro dicas que podem ajudar na economia, agilidade e eficiência do projeto de uma obra.

1. Planejar o orçamento

Muitas pessoas possuem um valor pré-determinado para os gastos na obra, mas a recomendação é que se guarde uma quantia extra para o caso de imprevistos. Outra dica é calcular a quantidade exata de materiais que serão utilizados para que se evite desperdícios, para isso vale consultar um profissional. Uma vez feita a organização, o proprietário deve consultar o maior número de lojas possíveis para obter o orçamento mais barato, lembrando que se todo o material for comprado em uma loja só, ele provavelmente sairá mais em conta. Vale lembrar também que a pesquisa deve ser feita baseada em marcas de qualidade, pois dependendo do produto ele pode ser menos resistente e em pouco tempo irá demandar uma nova reforma.

2. Organizando a reforma

Para que o proprietário não se atrapalhe, é importante seguir um roteiro ou cronograma que indique prazos e organize da melhor forma a quantidade de material para cada tarefa. O ideal é realizar o procedimento junto com o profissional que fará a obra, isso pode ser facilmente organizado com uma planilha, que irá determinar a ordem dos serviços, custo e duração de cada etapa.

3. Mão de obra qualificada

Segundo o Instituto da Construção, ao contratar mão de obra especializada, é possível obter uma economia de até 30%, principalmente por conta de uma significativa redução de gastos com materiais de construção, como areia, argamassa, cimento e tijolo. Afora isso, o contratante deve se identificar com o profissional. Um deve entender as ideias e procedimentos do outro para que se atinja o resultado esperado, unindo as preferências do proprietário aos critérios técnicos do profissional.

4. Desperdício de material

Uma dica é ir comprando o material de acordo com a conclusão de cada fase da reforma. Por exemplo, compre primeiramente os materiais para realizar o forro do chão e, assim que concluir essa fase, adquira o material de acabamento do piso. Isso evita o risco de acúmulo de material desnecessário ou até que passem do prazo de validade por ficarem muito tempo em desuso.

É importante também seguir as orientações do profissional que está comandando a reforma, ele deve contar com experiência suficiente para calcular possíveis desperdícios e encaixá-los dentro do orçamento com melhor relação entre qualidade e preço.

Atenção também para o lugar que os materiais ficam armazenados. Deve ser um ambiente ventilado e protegido de umidade para que nenhuma peça estrague e haja mais gastos com reposição.

É fundamental que o proprietário acompanhe de perto todo o andamento da obra para garantir que não ocorram imprevistos desagradáveis. Afinal, quem irá desfrutar de todo o projeto é o contratante, portanto a opinião do mesmo é sempre essencial no decorrer da reforma.

Sobre o Instituto da Construção

O Instituto da Construção é o primeiro centro de formação profissional do país especializado no setor de construção civil. Sediado em São José do Rio Preto, SP, o Instituto da Construção é um empreendimento da Resolve Franchising, responsável pela rede de franquias Doutor Resolve que atualmente conta com mais de 500 unidades no Brasil. Com o objetivo de oferecer qualificação a profissionais de diferentes áreas, o Instituto possui em seu portfólio os cursos de Instalador de Alvenaria Azulejista e Revestidor, Gesso Acartonado, Eletricista Instalador, Pintor de Obras, Decoração Residencial, Pereirão, Paisagismo, Mestre de Obras, Jardinagem e Instalador Hidráulico. Todos os cursos do Instituto da Construção são baseados em matérias com aulas práticas e teóricas, dividas em módulos independentes e flexíveis, oferecendo praticidade e versatilidade de horários aos alunos. Os cursos possuem como conteúdo comum as matérias Primeiros Socorros, Meio Ambiente, Segurança no Trabalho (Normas NR8 e NR10) e Organização Financeira.

Atitude Press Assessoria em Comunicação

(11) 2311-5889 | (11) 7727-2513 | ID 86*235467 / @AtitudePress
Bruno Surian – bruno@atitudpress.com.br
Adriana Guedes – adriana@atitudepress.com.br
Larissa Baltazar – larissa@atitudepress.com.br
www.atitudepress.com.br

Tags:, ,

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud

Dados do Autor

Diversos Autores

Diversos autores colaboraram nos textos existentes no EsteticDerm. Alguns dedicaram suas matérias de forma específica. Outros foram colhidos em sites que disponibilizam material e publicados após análise e aprovação da equipe de editores. As fontes na Internet são muitas mas sempre haverá busca, análise e aprovação do texto seja qual for sua origem. O enfoque principal é beleza e saúde do corpo humano embora tenhamos áreas de leitura geral. Muitas das publicações foram elaboradas por autoridades no assunto proposto. O conteúdo dos textos, artigos e matérias é de responsabilidade total de seus autores.

Email Site /blog

Dados desta matéria