Exercícios Físicos reduzem os sintomas da asma

Prática de Exercícios Físicos reduz em mais de 50% os sintomas da asma, revelam especialistas da USP

tosse01A asma é uma das principais doenças crônicas respiratórias que existem no mundo e já afeta cerca de 10% da população brasileira. De acordo com números do Ministério da Saúde e Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) 6,4 milhões de pessoas acima de 18 anos no País são afetadas pela doença. A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que 300 milhões de pessoas no mundo, incluindo crianças, sofrem com a asma.

Visando melhorar esse cenário, o professor livre docente da Faculdade de Medicina-USP e pesquisador dos LIMs 20 e 34 do Hospital das Clínicas FM-USP, Dr. Celso R. F. Carvalho, iniciou um estudo para identificar meios de minimizar os sintomas da asma e garantir mais qualidade de vida aos pacientes. A pesquisa inédita no Brasil mostra que a hiperresponsividade brônquica (HRB) melhora significativamente com o exercício físico moderado. “O que acabamos de mostrar na segunda maior revista médica do mundo é que a prática de exercícios físicos, aliada à medicação, é um tratamento incrível para o asmático, ao contrário do que se acreditou durante muitos anos”, relata.

Segundo ele, pacientes com asma moderada grave, fazendo uso regular da medicação prescrita pelo médico, costumam ter uma crise a cada dois dias, no caso daqueles que combinam a medicação com atividades físicas esse número vai para uma crise a cada cinco dias. Já no caso de pacientes com asma grave, o número passou de quatro crises mensais para uma.Os números mostram que os sintomas diminuem mais de 50%. Esses dados são fantásticos, pois hoje entendemos a prática de exercícios não mais como um vilão, mas como um grande aliado. Estamos falando em coisas simples como uma caminhada, corrida leve, andar de bicicleta e natação, que com o acompanhamento adequado, podem trazer benefícios antes inimagináveis”, comemora Carvalho.

Outro dado que chamou a atenção, segundo o especialista, foram os resultados da prática de exercícios em pacientes asmáticos que sofriam com a obesidade.Acredita-se que metade dos asmáticos do mundo sejam obesos. Nesses pacientes o benefício dos exercícios físicos é ainda maior. Entre os pacientes asmáticos graves, que durante o nosso estudo praticaram atividades físicas, a incidência de crises por mês passou de cinco para uma. Isso porque no caso do paciente obeso, a gordura do corpo comprime a caixa torácica que acaba por fechar as vias aéreas, por isso praticando exercícios, diminuímos o peso e consequentemente a gordura, o que garante benefícios duplamente”, explica.

O médico alerta também que a prática de atividades físicas melhora um dos principais sintomas da doença que é a dificuldade de respirar e dormir.O exercício físico é naturalmente um regulador do sono, no caso do asmático ele auxilia a respiração e, consequentemente, permite com que o paciente consiga ter momentos de descanso, dormindo mais rápido e profundamente”, observa.

Carvalho ressalta ainda a importância do tratamento. “Como a asma é uma doença predominantemente genética, não temos como prevenir, por isso buscar o tratamento adequado é a melhor maneira de garantir mais qualidade de vida”.

A Dra. Fernanda Camargo, fisioterapeuta especialista em distúrbios respiratórios da Physical Care, Centro de Referência do Sono e Terapia Respiratória, esclarece os fatores que dificultam a respiração dos asmáticos. “No dia a dia, além de considerar os dados do exame de espirometria que demonstra volumes e capacidades pulmonares, durante a Fisioterapia Respiratória utilizamos um equipamento chamado Peak Flow para mensurar e acompanhar o pico de fluxo expiratório com o objetivo de prevenir a piora das crises e auxiliar os médicos na dosagem dos broncodilatadores. O paciente asmático apresenta diminuição do pico de fluxo expiratório, ou seja, têm dificuldade para expirar o ar que se encontra nos pulmões, principalmente durante as crises, por isso realizamos exercícios respiratórios de desinsuflação pulmonar durante as sessões de fisioterapia domiciliar, que melhoram muito a retenção de ar. Inclusive para quando ocorrerem as crises de “falta de ar” ensinamos entre outras técnicas, um exercício muito simples de freno labial para facilitar a saída de ar e melhorar o desconforto respiratório. Estima-se que cerca de 40 mil pessoas morrem de asma anualmente no Brasil, por isso a preocupação com a doença“, frisa.

Ela observa a importância de a prática de atividades físicas terem orientação e supervisão de um Fisioterapeuta Especialista em reabilitação pulmonar para que se apliquem exercícios físicos específicos e adequados com o objetivo de garantir melhor resultados. “O acompanhamento evita a ocorrência de crises no decorrer da atividade que pode assustar e desestimular o paciente”.

Segunda a fisioterapeuta, outra recomendação importante para minimizar os sintomas da doença e, em alguns casos, auxiliar o paciente a ter noites satisfatórias de sono é a utilização de dispositivos de ventilação não invasiva (VNI), como os Bipaps (binivel de pressão positiva nas vias aéreas).Esses equipamentos evitam a fadiga da musculatura respiratória e otimizam a ventilação pulmonar e consequentemente a oxigenação retomando o conforto respiratório perdido durante as crises ou mesmo após atividades físicas, prevenindo a descompensação que pode levar o paciente a procurar o pronto socorro para pronto atendimento ou ainda precisar de internação hospitalar. O mecanismo do Bipap aumenta o fluxo de ar sendo muito benéfico nos casos de asma em que o indivíduo não consegue expirar, pois esse aparelho aumenta o pico do fluxo expiratório”.

Com cerca de 10 mil pacientes, entre eles, o ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o cantor Sergio Reis e o ex-goleiro do Corinthians, Júlio Cesar, a Physical Care atua com atendimento especializado focado em garantir qualidade de vida aos pacientes que apresentam qualquer tipo de distúrbio respiratório.

AGÊNCIA MANGA LTDA – ME

Chimeny Nogueira Alonso
E-mail: imprensa@agenciamanga.com.br
Fone: (13) 997878887

Tags:,

1 comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud

Dados do Autor

Diversos Autores

Diversos autores colaboraram nos textos existentes no EsteticDerm. Alguns dedicaram suas matérias de forma específica. Outros foram colhidos em sites que disponibilizam material e publicados após análise e aprovação da equipe de editores. As fontes na Internet são muitas mas sempre haverá busca, análise e aprovação do texto seja qual for sua origem. O enfoque principal é beleza e saúde do corpo humano embora tenhamos áreas de leitura geral. Muitas das publicações foram elaboradas por autoridades no assunto proposto. O conteúdo dos textos, artigos e matérias é de responsabilidade total de seus autores.

Email Site /blog

Dados desta matéria