Uso de fotoprotetor em viagens de carro

Uso de fotoprotetor em viagens de carro é fundamental para prevenir câncer e envelhecimento da pele

Radiação solar pode atravessar janelas e vidros do carro, favorecendo o aparecimento de rugas, flacidez, manchas e até mesmo câncer de pele. Uso diário de filtro solar, além da aplicação de películas automotivas nos vidros do carro são medidas para combater o problema.

São Paulo – 10/12/2019 – Viajar de carro é uma delícia, porém, exige planejamento. E um dos itens que não pode faltar na hora de planejar uma viagem de carro é o protetor solar, que não deve ser aplicado apenas ao chegar no destino, mas também antes de sair de casa, pois, ao contrário do que muitos pensam, janelas de carro não são capazes de proteger contra a radiação ultravioleta do sol. “Apesar das janelas serem capazes de barrar a radiação UVB, a radiação UVA, que está presente na natureza em níveis muito maiores e mais expressivos que a radiação UVB, consegue atravessar vidros e penetrar profundamente na pele, chegando até a derme, camada mais profunda da pele e onde se localizam as fibras de colágeno e elastina, gerando assim uma quantidade altíssima de radicais livres, que são os principais responsáveis pelo envelhecimento precoce do tecido cutâneo”, explica o farmacêutico Lucas Portilho, consultor e pesquisador em Cosmetologia e diretor científico da Consulfarma. Não à toa diversos estudos já associaram o aparecimento de danos solares e lesões cancerosas do lado esquerdo do corpo com o hábito de dirigir sem a devida proteção contra o sol. Ou seja, o melhor é sempre fazer uso de um protetor solar antes de pegar o carro.

Outra alternativa para incrementar a proteção da pele dentro do carro é investir na instalação de películas automotivas, que, além de oferecerem maior segurança contra assalto por diminuírem a visibilidade do interior do veículo, também podem ajudar a barrar a radiação solar, garantindo proteção semelhante aos fotoprotetores físicos. “Além de protegerem contra a radiação UV, tais películas também realizam o bloqueio da radiação infravermelha, que pode causar envelhecimento precoce da pele e ainda promover a piora de doenças cutâneas pré-existentes, incluindo melasma e rosácea”, destaca Lucas. Mas é importante ressaltar que nem toda película automotiva garante proteção solar. “Muitas pessoas acreditam que quanto menor o nível de transparência dessas películas, maior será o nível de fotoproteção, o que não é verdade. Existem versões dessas películas que são totalmente translúcidas e ainda assim oferecem fotoproteção. A única maneira de ter certeza sobre a capacidade de fotoproteção desses produtos é procurando uma loja de confiança que possa atestar a qualidade e a garantia das películas automotivas.

Porém, mesmo após a aplicação da película com fotoproteção, o uso do protetor solar é indispensável, pois o máximo de proteção solar oferecida por essas películas é de 99%. Além disso, de acordo com Lucas, esses filmes laminados aplicados nos vidros de carros não são capazes de proteger contra a luz visível emitida pelo sol, lâmpadas e dispositivos eletrônicos que também pode sensibilizar a pele. “Logo, na hora de escolher um fotoprotetor é importante que você procure por produtos que, além de oferecerem proteção contra a radiação UVA e UVB, também protejam contra a luz visível e sejam adequados para o tipo e as necessidades de sua pele”, finaliza Lucas Portilho.

Lucas Portilho

Consultor e pesquisador em Cosmetologia, farmacêutico e diretor científico da Consulfarma e Pesquisador em Fotoproteção na Unicamp. Especialista em formulações dermocosméticas e em filtros solares. Diretor das Pós-Graduações do Instituto de Cosmetologia e Ciências da Pele Educacional, Hi Nutrition Educacional e Departamento de Desenvolvimento de Novas fórmulas. Atuou como Coordenador de Desenvolvimento de produtos na Natura Cosméticos e como gerente de P&D na AdaTina Cosméticos. Possui 17 anos de experiência na área farmacêutica e cosmética. Professor e Coordenador dos cursos de Pós-Graduação com MBA do Instituto de Cosmetologia e Ciências da Pele Educacional. Coordena Estágios Internacionais em Desenvolvimento de Cosméticos na Itália, França, Mônaco e Espanha. Atua em desenvolvimento de formulações para mercado Brasileiro, Europeu e América Latina.

HOLDING COMUNICAÇÕES

Pedro Del Claro
E-mail: redacao@holdingcomunicacoes.com.br
Fone: (011) 94545707

Tags:, , , , ,

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud

Dados do Autor

Diversos Autores

Diversos autores colaboraram nos textos existentes no EsteticDerm. Alguns dedicaram suas matérias de forma específica. Outros foram colhidos em sites que disponibilizam material e publicados após análise e aprovação da equipe de editores. As fontes na Internet são muitas mas sempre haverá busca, análise e aprovação do texto seja qual for sua origem. O enfoque principal é beleza e saúde do corpo humano embora tenhamos áreas de leitura geral. Muitas das publicações foram elaboradas por autoridades no assunto proposto. O conteúdo dos textos, artigos e matérias é de responsabilidade total de seus autores.

Email Site /blog

Dados desta matéria