Como sobreviver a uma separação

Como superar uma separação e se apaixonar de novo sem traumas? – Por Roselake Leiros*

Avaliar o relacionamento de fora, como num filme, ajuda a assumir os seus 50% de responsabilidade, aprender com os erros e evitá-los com outra pessoa

Sofrer outra vez, passar pelas mesmas experiências dolorosas, perder a confiança no parceiro (a) ou mesmo desacreditar que é possível ser feliz a dois podem ser os principais medos e traumas que o fim de relacionamentos turbulentos pode causar em homens e mulheres. Após o término de um namoro, noivado ou casamento é comum que haja receio de se entregar a um novo amor por medo de passar pelos mesmos acontecimentos. Se livrar de todos os “e se” é o primeiro passo para ter um relacionamento mais saudável.

Reviver os conflitos da relação passada, pensar se um dia conseguirá se envolver com outra pessoa novamente, se culpar, culpar o ex-parceiro/ parceira e cogitar possibilidades são atitudes comuns de quem acabou de se magoar no relacionamento. Para se livrar de todos estes conflitos, a especialista em comportamento humano da CrerSerMais, Roselake Leiros, afirma que a melhor saída é encará-los. “Reconhecer e admitir conflitos são o primeiro passo. Em seguida, olhar a situação de fora, como num filme, avaliá-la e aprender com ela”, diz.

Quando a situação é vista de fora, segundo Roselake Leiros, é possível observar sem contaminação, emoção e dor. Assim, fica mais fácil reconhecer a parte que cabe a cada um dos dois e aprender verdadeiramente. “Estes aprendizados trazem confiança e vão garantir a construção de um melhor relacionamento futuro. Esse tipo de avaliação sincera possibilita assumir para si os 50% da responsabilidade que lhe cabe e aprender com isso, tornado-se uma parceria (o) melhor da próxima vez”, afirma.

Geralmente, as mulheres tendem a prolongar a dor, pois são mais emotivas. Já os homens têm um pensamento mais realista e racional. Para Roselake, a mulher tem tendência de ficar revivendo muito tempo os fatos do passado e considerando hipóteses. “Este tipo de comportamento não traz aprendizados, só favorece o sentimento de vítima, de culpa e faz com que se perca a dimensão da realidade”, explica.

Relacionamento de pais separados

Se o término de relacionamentos sem filhos já pode deixar marcas, quando envolve filhos e ex-marido/mulher, famílias, a dimensão do conflito é ainda maior e pode se estender por muito mais tempo. Para Roselake Leiros, reconstruir uma vida afetiva nestes casos requer mais cuidados. “É comum se referir ao passado com palavras desrespeitosas, guardar os sentimentos negativos, mas isso aprisionada a dor e impede a vida de fluir rumo à felicidade”, afirma. “Aprenda com o passado e se abra para o novo sempre confiando e respeitando cada parte envolvida, o ex-companheiro (a) com os novos relacionamentos, mas muito especialmente seus filhos, eles serão sua responsabilidade sempre. Assuma isso zelando por seu bem estar em primeiro lugar e incondicionalmente”, completa.

Para evitar discórdia em novos relacionamentos com filhos, é importante ter consciência que filhos são para sempre e chegaram primeiro. “Honre essa ordem, mas também reconheça que todos têm o seu lugar e importância. Portanto, tome também o seu lugar e reconheça a sua importância. Ser transparente e pontual em seu posicionamento como pai e mãe, namorado e namorada, e dizer claramente da importância e do lugar de cada um, evidenciando sempre as diferenças e importâncias de cada parte, é fundamental. Respeito e compreensão são as palavras de ordem também neste caso.”, afirma Roselake Leiros.

Para a especialista, se a pessoa não conseguir se libertar dos sentimentos dolorosos e dar a volta por cima é sinal que ainda não superou o fim, desta forma, é recomendado que busque um coaching de relacionamento ou família.

*Sobre Roselake Leiros

Coach de carreira e de vida, com mais de 16 mil horas de atendimento. Consultora, palestrante, especializada em desenvolvimento humano. Programação Neurolinguística (Master/Trainer), certificada por Deborah Epelman, Robert Dilts e outros. Coaching Integrativo e Constelação Sistêmica Familiar e Organizacional certificada por Bern Iserd. Roselake Leiros é diretora da CrerSerMais – Desenvolvimento Humano.

Agência Contatto Assessoria de Imprensa e Conteúdo
Coordenação: Talita Scotto (talita@agenciacontatto.com.br)
Telefone: 11 3432-3937
Assistente de Atendimento: Thamiris Rezende (trezende@agenciacontatto.com.br)
Telefone: 11 2761-1963
www.facebook.com/agcontatto / @agenciacontatto

Tags:,

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Protected with IP Blacklist CloudIP Blacklist Cloud

Dados do Autor

Diversos Autores

Diversos autores colaboraram nos textos existentes no EsteticDerm. Alguns dedicaram suas matérias de forma específica. Outros foram colhidos em sites que disponibilizam material e publicados após análise e aprovação da equipe de editores. As fontes na Internet são muitas mas sempre haverá busca, análise e aprovação do texto seja qual for sua origem. O enfoque principal é beleza e saúde do corpo humano embora tenhamos áreas de leitura geral. Muitas das publicações foram elaboradas por autoridades no assunto proposto. O conteúdo dos textos, artigos e matérias é de responsabilidade total de seus autores.

Email Site /blog

Dados desta matéria